Arquivo da tag: shadaloo

Ed

sfved

Altura: 1.82m
Peso: 86kg
País: desconhecido
Nascimento: 03/09/? (puberdade)

Ed é um dos muitos corpos reservas criados (ou sequestrados) como um possível plano B para Bison, assim como Seth e Abel.

Crônica em Street Fighter 4: Ele teria sido sequestrado por Seth e enviado para o laboratório da SIN na Índia para testes, mas com a destruição iminente do laboratório no final de SF4 foi resgatado por Balrog que procurava algo de valor para roubar e acabou encontrando misterioso garoto que possuía a marca da Shadaloo nas mãos e emana Psycho Power.

Nesta época, Ed é um adolescente tímido que aos poucos vai descobrindo seus poderes e passa a ajudar Balrog em pequenas missões, como um personagem de apoio, não um lutador.

Crônica em Street Fighter 5: Depois de ser resgatado por Balrog, Ed foi levado para a base da Shadaloo. Ele tinha constantes pesadelos, o que fez Balrog levá-lo para a Índia em busca de respostas. De repente, um adivinho apareceu atrás de Ed, prevendo que ele teria tempos difíceis à frente, o que marcou profundamente o rapaz.

Ed tem sido treinado por Balrog no Boxe, que passou a se importar cada vez mais com o garoto e o esconde e protege dos demais membros da Shadaloo. Ele tem crescido rapidamente e desenvolvido tanto seus músculos quanto seu Psycho Power a ponto de reproduzir alguns truques telecinéticos de Bison. Ed é um lutador prodígio, mas também é atormentado pela possibilidade de ser tomado por M. Bison, já que ele é mais um corpo preparado para receber o ditador caso ele morra.

Por causa disso, ele e Balrog vem tramando pelas costas de Bison, trabalhando como mercenários para qualquer um que pague o valor deles, incluindo Urien e os Illuminati, para quem venderam os planos de Bison com a Operação CHAINS.

Interpretando Ed: Você pode ser arrogante e chamativo a maior parte do tempo, característico de um jovem com tantos poderes, mas você reserva respeito e admiração a poucas pessoas, como seu mestre Balrog e o lutador americano Ken. Embora a Shadaloo lhe tenha dado tudo, você desaprova as atitudes de M. Bison e o fato de tê-lo sequestrado quando jovem. Em seu íntimo, deseja sair da organização e mudar o rumo de sua vida.

Aparência: Ed é um adolescente com cabelos loiros curtos e olhos azuis. Ele costuma usar uma jaqueta de blusa branca sem mangas, calças pretas e tênis vermelhos. Ele também possui uma tatuagem de código de barras no braço esquerdo e usa um conjunto de pulseiras brancas e um quepe militar. Em missões, ele usa um uniforme azul Shadaloo sem mangas e luvas de MMA. Em combate, prefere lutar com shorts de boxe pretos com detalhes vermelhos e botas de boxe azul marinho. Ao ativar seus poderes psíquicos, seus olhos brilham em chamas purpúreas.

Guerreiros Mundiais

Operação CHAINS

sfv_bisonsatellite

Operação C.H.A.I.N.S é o nome dado ao plano maligno da Shadaloo durante a saga de Street Fighter 5 e o significado de sua sigla é desconhecido até o momento.

Criado por FANG, o cientista diabólico no comando dos laboratórios de Bison durante a nova saga, a Operação consiste em subir aos céus satélites artificiais chamados de Black Moons (Luas Negras) para então colidi-los com cidades importantes da Terra, sendo seu primeiro alvo Nova York, lar de Alex. O caos e destruição provocados por esta colisão, semelhante a de um meteoro, serviria para alimentar o Psycho Power de Bison, que depende de dor e sofrimento das pessoas.

Para construir as Black Moons e o intrincado mecanismo de controle delas foram sequestrados diversos hackers ao redor do mundo, incluindo a amiga que Rashid tanto procura. No entanto, o painel de controle das Black Moons possui um mecanismo de ativação baseado em chaves, que são pequenas peças similares às de xadrez. De alguma maneira um agente infiltrado na Shadaloo roubou tais chaves e as enviou aos mais fortes lutadores do mundo para guardá-las, privando FANG de concluir seu plano, até que os vilões consigam recuperar os artefatos. Bison já enviou seus melhores lutadores atrás delas, bem como diversos soldados aperfeiçoados em seus laboratórios.

Organizações do lado dos “mocinhos”, como o Delta Red, estão se movimentando para evitar essa catástrofe. No entanto há mais pessoas interessadas em deter a Operação CHAINS como a recente ressurreição de Charlie Nash comprova: os Illuminati, embora seus planos após derrotar Bison não sejam tão claros assim para quem os estão ajudando atualmente.

sfv_bisonchains

Generais de Bison

Este é o nome dado ao “time” de Street Fighters mais poderosos existentes dentro da organização Shadaloo, formado por alguns dos lutadores mais poderosos do mundo, à comando de Bison. Os generais são a elite de combate da Shadaloo, possuem dezenas de outros Street Fighters ao seu comando e centenas de capangas. Experts em suas artes marciais, só não são mais respeitados do que temidos, uma vez que são considerados vilões por todos que conheçam suas conexões com o crime.

Bison escolhe à dedo seus generais. Geralmente Street Fighters que caíram na desonra, que tem uma predileção pelo crime ou que concordam em obedecê-lo cegamente em troca de dinheiro e poder. Obviamente deixar de ser um general não é uma opção, a menos que você se garanta, como Sagat o fez.

Generais em Street Fighter 1: não sabe-se nada da Shadaloo nesta época, mas sabe-se que Bison entraria em contato com Sagat ao fim do primeiro torneio mundial para convencê-lo a entrar no time.

Generais em Street Fighter Alpha e 2: aqui temos o trio clássico, Vega, o assassino espanhol, Balrog, o boxeador americano e Sagat, o deus do Muay Thai. Graças à esses três, Bison sequer precisa lutar para resolver seus problemas com Street Fighters que buscam vingança ou apenas querem derrubar a Shadaloo.

Generais em Street Fighter 4: Sagat rompe com a Shadaloo durante a queda da mesma no final de Street Fighter 2 e quando é convocado novamente (Bison não morreu de verdade, afinal), ele espanca o mensageiro. Assim, durante SF4 Bison “apenas” pode contar com Vega e Balrog para destituir Seth do comando da SIN.

Generais em Street Fighter 5: no lugar de Sagat entra FANG, um mestre dos venenos cujo clã foi completamente dizimado por Bison. Para não morrer, ele jurou lealdade ao ditador, que emprega seus serviços assassinos para eliminar seus inimigos. Juntam-se à ele os clássicos Vega e Balrog.

Balrog

balrognobg




Altura: 1.98m
Peso: 102kg
País: EUA
Nascimento: 04/09/1968 (27 anos em SF4)

Balrog cresceu nas ruas do Harlem. Ele sabia que as duas únicas maneira de sair do Harlem eram dar muita sorte ou lutar até conseguir sair. Escolheu a segunda opção. Todo dia, após a escola, ele ia a aulas de Boxe na academia local. Não levou muito tempo para que os treinadores vissem seu potencial. Balrog tinha tudo o que era necessário para se tornar um campeão, e eles iriam cuidar para que ele chegasse lá.

As competições eram fáceis demais. Balrog dominava seus adversários do início ao fim das lutas. Quando não estava lutando, estava treinando. Ele sabia que títulos mundiais não crescem nas árvores, e queria estar pronto para quando surgisse a chance de entrar nas lutas com grandes prêmios em dinheiro, Em pouco tempo Balrog estava fora das ligas amadoras, lutando por prêmios maiores. Ele provou ser o mais novo astro do boxe e rapidamente  escalou as posições das associações do Boxe profissional.

Finalmente, Balrog recebeu uma luta pelo título mundial – sua grande chance de provar para todos que era o melhor do mundo. Ele entrou no ringue como um tigre enjaulado. Impressionou todo mundo com seu jogo de pés no estilo de Ali e seus ganchos a Joe Lewis. O campeão não sabia o que fazer com este garoto que parecia ter uma reserva inesgotável de energia e um direto de direita que parecia um trem expresso.

No quinto round Balrog tinha o campeão nas cordas, mas ele queria o nocaute. Sua chance só chegou no sexto round. Ele saiu do seu canto e partiu pra cima do campeão com tudo que tinha no seu arsenal. Pegou-o com um esquerdo de surpresa, atordoando-o. Balrog sabia o que fazer em seguida. Recuou por inteiros cinco segundos e então desferiu o maior gancho de direita da história do boxe. O soco reverberou por sobre a aclamação da multidão. Antes do campeão atingir a lona, Balrog sabia que verdadeiramente era o maior de todos.

No início, ser o campeão não afetou Balrog. Ele treinava regularmente, mantinha a mesma equipe que o tinha levado até onde estava. Continuou a lutar e até fez alguma publicidade para ganhar um dinheiro extra. Então deu seu primeiro passo em falso.

Uma grande organização de lutas se aproximou com promessas de alargar os horizontes de sua carreira; tudo o que precisava fazer era demitir sua antiga equipe. Isto não foi problema. A organização então disse que Balrog podia treinar menos e ter mais tempo livre, o que ele adorou. Seu novo apoio marcava apenas lutas que Balrog podia vencer, e dava grandes festas após cada luta.

Uma dessas lutas pelo título foi com um desconhecido. Balrog sabia que este cara cairia diante de suas atordoantes manobras e combos, da mesma forma que todos os outros tinham caído. Ele treinou apena uma vez naquela semana – por uma hora.

Na noite da luta, a mente de Balrog já estava na festa pós-luta. Ele não estava preparado para o que encontrou. O garoto era bom. Balrog mal conseguia ficar de pé, imagine lutar, após o terceiro round. Foi quando os novo patrocinadores de Balrog entraram em ação para proteger o seu valioso investimento. Esfregaram nas luva de Balrog uma droga. No quarto round, Balrog acertou um soco fraco e o seu oponente caiu no chão desmaiado. Todos pensaram que Balrog tinha contra-atacado com um soco fulminante – até que o juiz também desmaiou, quando tocou as luvas de Balrog para levantar a mão do campeão em vitória. Então a controvérsia começou.

No fim, Balrog foi expulso do boxe profissional. Seus grandes patrocinadores desapareceram, assim como seus grandes contratos publicitários. Balrog viu seus estilo de vida rico e despreocupado subitamente desaparecer. Foi quando M. Bison apareceu. Bison estava tendo problemas para usurpar os impérios do crime em Las Vegas, então contratou Balrog como seu persuasor. Balrog agora emprega seus músculos a serviço de Bison, fazendo com que o submundo de Las Vegas “permaneça receptivo às propostas de negócios de Bison”.

Crônica em Street Fighter Alpha: Através de Bison, Balrog encontrou uma nova maneira de recuperar seus antigos fãs – através do circuito Street Fighter. Balrog abriu rápida e violentamente seu caminho até o topo da Shadaloo e do circuito, provando que o bom e velho Boxe peso-pesado é mais do que páreo para as coloridas artes marciais. Balrog conhece Birdie e juntos tem a chance de trair Bison com algo chamado Psycho Drive. Se ao menos eles pudessem entender do que se trata…

Crônica em Street Fighter 2: Balrog está finalmente conseguindo ganhar fama e dinheiro novamente e entra no novo torneio mundial promovido por Bison para finalmente ficar rico a serviço do ditador.

Crônica em Street Fighter 4: com a morte do ditador e a saída de Sagat da equipe, Balrog se torna o líder da Shadaloo por um curto período de tempo, o bastante para fazê-la afundar e ser sobrepujada pela SIN, outrora apenas uma divisão de armas da organização criminosa. Entretanto ele continua a última missão que Bison lhe deu, de monitorar os progressos dos seus projetos genéticos, principalmente Seth, aguardando pelo dia em que seu chefe voltar do mundo dos mortos mais uma vez. Certo dia, uma limusine preta vem buscá-lo, e Balrog sabe que seu chefe está de volta e que juntos quebrarão algumas cabeças novamente!

Crônica em Street Fighter 5: Ele e Ed, o garoto encontrado nas ruínas da base da SIN, têm trabalhando às escondidas para levantar alguma grana pesada, agindo como agentes duplos para os Illuminati. No entanto, depois que as “chaves” do painel das blackmoons foram roubadas, coube a Balrog ajudar na missão de resgatá-las o que tem o levado a diversos lugares do mundo enfrentar outros Guerreiros Mundiais de posse das mesmas.

Interpretando Balrog: basicamente, você não é muito brilhante. Você está atrás do dinheiro, fama, poder e garotas bonitas. Você quer ser visto como sendo bem sucedido e não vai tolerar ser desrespeitado por quem quer que seja, especialmente em público. Você fará qualquer coisa para permanecer na sua vida d eluxo – qualquer coisa.

Aparência: Balrog é um enorme afro-americano. Apesar de não ser muito alto, seus músculos quase explodem sob a camiseta. Ele ainda usa o antigo calção, botas de boxe e camisa da academia. Em uma luta, usa suas velhas luvas da sorte e tem sido visto com seu roupão de lutador e capuz.

Lema: Meus punhos tem o seu sangue neles!

* Fonte: a planilha de Balrog corresponde à versão original americana, pois a brasileira é cheia de erros (Soco 6 ao invés de 7, por exemplo). Sua história completa e planilhas nas demais sagas são de autoria de Fernando Jr da SFRPG Brasil com base em acontecimentos in-game nos jogos em que ele aparece e no The Street Fighter Plot Canon Guide.

balrog-vida-loca

Balrog como NPC

Balrog é um cupincha de Bison, pronto falei! Ele é tido como o mais fraco e manipulável dentre os generais do ditador, o que não o torna menos perigoso, é claro, mas o que mais se mete em confusões contra os grupos de Street Fighters que querem derrubar a Shadaloo.

Balrog também tem um lado traidor que já foi explorado no passado por inimigos da Shadaloo. No fundo ele quer se dar bem à qualquer custo, e no momento o que lhe parece mais vantajoso é o dinheiro e o estilo de vida que Bison lhe proporciona, mas amanhã quem sabe?

Balrog como Sensei

No RPG de Street Fighter é dito que Balrog possui um discípulo, Samson Jr, um aspirante a boxeador em Vegas, enquanto que no game SF5 ele ensinou Boxe para Ed. O próprio Balrog nunca teve um mestre de verdade, tendo galgado os títulos como boxeador profissional devido à sua extrema força, ainda assim tendo perdido a licença para lutar devido à sua extrema brutalidade, dois lados da mesma moeda.

Assim, me parece que Balrog como professor de Boxe seria algo como alguém que lhe ensina como dar socos lhe soqueando, entende? O Narrador tem a palavra final sobre a relação Balrog-discípulo e até mesmo se isso impactaria a relação do discípulo com a Shadaloo, que talvez nem saiba da sua existência.

sfv-balrog-4gamer-02

Guerreiros Mundiais


Sensei

Killer Bee (Cammy)

cammy-alpha

Altura: 1.64m
Peso: 46kg
País: Inglaterra
Nascimento: 06/01/1974 (16 anos em SF Alpha)

Cammy foi desenvolvida em laboratório, usando partes do DNA de Bison para criar um novo corpo perfeito para ser usado por ele no futuro. A ideia era criar um corpo aparentemente inofensivo, como uma garota de 16 anos, mas com capacidades de combate impressionantes incluindo o Psycho Power de Bison, a assassina perfeita que seria chamada pelo codinome Killer Bee (abelha assassina). E assim foi feito, não exatamente um clone, mas um ser humano alterado geneticamente ainda mebrião para acomodar os poderes e a mente de Bison caso fosse neecssário. Seu uso primário acabou se tornando ser uma das guarda-costas de Bison, também chamadas de Dolls, e sua principal assassina, tendo sido responsável por inúmeras mortes ao redor do globo, inclusive indiretamente pela morte de Charlie Nash (o qual ela rastreou durante vários dias antes de Bison enfrentá-lo) e diretamente pela morte de Dorai, pai de Chun Li, que investigava a Shadaloo junto de Gen.

Assassina formidável, Cammy sofria constantes lavagens cerebrais para ser mantida sob controle total de Bison. Invejada por Vega devido à sua aparência, teria sido ele a lhe causar aquela cicatriz no rosto, e também ele que teria atrapalhado uma de suas sessões de lavagem cerebral o que teria causado defeito em sua programação e consequentemente liberado sua vontade própria. Os místicos Rose e Dhalsim também alegam terem encontrado Cammy nesta época, sofrendo com transtornos de personalidade (ora uma garota de 16 anos, ora uma assassina da Shadaloo) e lhe ajudado a se libertar do controle mental de Bison, cada um à sua maneira.

Quando Bison fica sabendo do ocorrido enviou tropas para matá-la, primeiro Vega e depois Juni e Juli, ambos sem sucesso. Cammy não entende porque estão tentando assassiná-la uma vez que nunca traiu Bison, e é Vega quem revela que ela não é mais útil e que é perigosa demais para ficar à solta. Bison na verdade temia que uma vez que Cammy possuía o seu Psycho Power (bem como seu DNA) que ela pudesse controlar seu Psycho Drive e consequentemente sua arma de destruição em massa.

Quando Cammy deu por si e entendeu o que deveria fazer foi atrás de Bison e houve uma incrível luta entre ele e as diversas Dolls, uma vez que ele decidiu por um fim em todas e seu instinto de auto-preservação imperou. Juntas, as 13 lutadoras conseguiram fazer Bison recuar quase ao custo de suas vidas, terminando com Cammy usando o Psycho Drive (como Bison temia) para teleportá-las à salvo dali uma vez que a base estava para explodir por causa das ações de Chun Li, Guile e Nash. Por algum motivo desconhecido, Vega salvou Cammy da explosão e de alguma maneira ela teria sido encontrada mais tarde pelo Delta Red.

Crônica em Street Fighter 2 e posteriores: veja a história de Cammy em SF2 em diante em seu post principal (clique em seu nome).

Interpretando Killer Bee: você é uma agente de Bison. A melhor de todas. Se tivesse emoções talvez se sentisse orgulhosa de si mesma, por atender tão bem às expectativas de seu mestre. Mas você não tem emoções, ou ao menos acha que não possui. Recentemente sua mente anda um pouco confusa e você não sabe o porquê, mas é profissional demais para comentar isso com seus superiores e continuará executando suas missões para o sr. Bison até o fim dos seus dias, sem questionar.

Aparência: Killer Bee é uma linda adolescente que facilmente passaria desapercebida em uma escola ou shopping center, e esse é seu maior trunfo. Com a roupa certa, não há como suspeitar que esta garota está em mais uma missão de assassinato sob as ordens de Bison. Quando não está fantasiada, usa um maiô azul claro com uma boina e gravata, semelhante ao uniforme das outras Dolls, com manoplas de combate e botas. Geralmente pinta suas pernas, sempre à mostra, com algum padrão de camuflagem, e mantém seu cabelo bem preso em tranças.

cammy

Killer Bee como NPC

O passado de Cammy é explicado durante a saga de Street Fighter Alpha, que se passa durante seus 16 a 19 anos, antes de ter sido encontrada pelo Delta Red, em Londres. Por razões óbvias somente pode-se utilizar Killer Bee durante esta saga de Street Fighter. Esta história somente é conhecida por Bison e seus cientistas mais importantes, embora possam haver registros nos computadores da SIN também. Nem mesmo Cammy possui todas informações sobre seu passado, apenas fragmentos de lembranças vagas e dicas que Bison e Vega lhe deram, embora possa ser apenas mentiras deles. O conteúdo acima é tido como oficial segundo a Capcom Japão (com minúsculas alterações), mas o Narrador é livre para alterar de acordo com sua crônica, desde que mantenha sempre o mistério sobre essa história.

Ela pode ser usada como uma poderosa antagonista, em sua versão original de serva de Bison, ou como uma ocasional protagonista de meio-expediente, quando está tendo seus lapsos de memória e quebra do controle mental, quando tenta entender o que está acotecendo consigo e eventualmente lutando contra Bison e a Shadaloo.

Killer Bee e Armas de Fogo

Killer Bee foi treinada na Shadaloo para uso de todo tipo de armas de fogo, as quais ela usará conforme a necessidade em sua missão. Killer Bee não participa do circuito Street Fighter e dessa maneira não segue o seu código de honra, podendo inclusive utilizar armas de fogo em combate se assim for necessário.

* Fontes: a principal fonte é o The Street Fighter Plot Canon Guide, acontecimentos in-game da série Street Fighter Alpha e mangás da Udon.

Cammy White

Dolls

Dolls

Além de seus três generais e de todos os street fighters desonrados sob seu comando, Bison também incluiu em suas tropas um novo tipo de soldado. Elas são as Dolls (bonecas em inglês), criadas e/ou treinadas de diversas formas para serem guerreiras perfeitas. Embora o nome oficial dado por Bison seja Tropas de Guarda-Costas de Bison, o nome Dolls pegou muito mais rápido que qualquer outro para representar este time de 12 moças a serviço do mal.

As Dolls são conhecidas como sendo o esquadrão de elite da Shadaloo, são frutos da mente maligna de Bison e seus cientistas. Elas se dividem entre moças sequestradas que sofreram lavagem cerebral e clones de Bison (assim como Cammy). As Dolls não possuem sentimentos e apenas obedecem cegamente Bison, falando como robôs. São extremamente fortes e treinadas em diversas artes marciais, bem como no uso de armas, sendo comum as Dolls carregarem no mínimo um revólver camuflado em alguma parte da roupa. Elas respondem unicamente a Bison e aos seus três generais. Nem mesmo os demais lordes e chefes tem controle sobre elas.

A maioria das Dolls, como Juli, a amiga de T. Hawk, tinham uma vida normal antes de se tornarem Dolls. Porém foram sequestradas pela Shadaloo e sofreram lavagem cerebral. Elas passaram por um intenso treinamento físico e mental, para em seguida passarem pelo teste final de obediência: eliminar quaisquer vestígios de sua vida antes de se tornar uma Doll. Isso comumente inclui matar entes queridos e/ou colocar fogo em suas residências antigas. Como as Dolls não sentem remorso ou sequer se lembram de suas vidas passadas, elas fazem essa missão omo qualquer outra. Muitas moças morreram nestes experimentos de lavagame cerebral, tendo entrado em colapso quando suas mentes foram apagadas.

Além de moças sequestradas, existem duas Dolls criadas em laboratório: Cammy e Decapre, que aparenta ser uma Cammy de máscara, embora seu rosto abaixo da máscara é completamente desfigurado (ela foi um experimento mal sucedido de manipulação genética). Decapre, apesar de teoricamente não possuír emoções ou lembranças, é extremamente irritadiça na presença de algum dos clones “fugitivos” como Cammy, sempre tentando assassiná-los na ocasião.

Existem 12 Dolls a serviço da Shadaloo, protegendo bases ou atuando em missões, geralmente em duplas (com exceção de Decapre). Com a aparência de garotas inofensivas (por volta de 16 anos), elas surpreendem os oponentes com a sincronia de seus golpes – juntas, elas lutam como uma só! É dito que suas vidas estão intimamente ligadas a de M. Bison, e que se ele morrer, elas morrem também. Mas isto pode ser apenas especulação.

Bison inspecionando as Dolls

Aparência: cada uma possui características únicas, mas, de modo geral, seus uniformes são: um maiô com gola, mangas de cor azul marinho, com uma gravata amarela na gola. Todas usam boinas, da mesma cor do uniforme. Vestem sob o maiô, uma meia-calça, também azul marinho e calçam um par de botas de cano longo, até os joelhos, de cor marrom. Como Cammy, usam o mesmo par de luvas e manoplas dela.

Com exceção de Cammy, todas possuem nomes relacionados aos meses do ano na língua do país onde atuam ou nasceram:

  • Killer Bee (Cammy): atuava na Inglaterra, ela é especialista em combate desarmado. Seu codinome original era Abelha Assassina (Killer Bee).
  • Enero: atuando na Espanha, Enero é a especialista em comunicações do Esquadrão de Elite, fazendo relatórios da situação das outras Dolls à Bison, afinal, nenhum esquadrão de assassinas estaria completo sem uma especialista em comunicações! Enero possui um longo cabelo rosa e está sempre com um headset sem fio.
  • Février: atua na França, ela é especialista em armas de fogo. Simplesmente não existe algum tipo de arma de fogo que Février não seja treinada, sendo dona da melhor mira dentre todas as Dolls. Ela possui um cabelo curto e rosado.
  • März: atua na Alemanha, especialista em obter informações usando seu laptop (com o símbolo da Shadaloo na tampa). Especialista em computação, segurança e criptografia, März é perita em invadir sistemas de segurança e burlar defesas de qualquer organização. Seu cabelo varia de tom a cada vez que é vista, mas sempre em tons azuis, como neon e púrpura, o que indica uma certa vaidade de sua parte. Ela também está sempre utilizando um microfone, e sua luva direita possui um estranho fio que se conecta ao seu braço.
  • Aprile: originária na Itália, especialista em habilidades médicas, sendo a doutora do esquadrão. Aprile possui uma faixa amarrada ao braço com uma cruz vermelha, bem como uma michila com itens de primeiros-socorros. Aprile está sendo procurada por seu irmão mais velho, Maggio, que entrou em contato com Rose para encontrá-la.
  • Satsuki: originária do Japão, especialista em Kenjutsu (luta com espadas). Seu nome significa Maio em japonês e ela utiliza uma Katana presa em uma bainha às suas costas.
  • Juni e Juli: originárias da Alemanha, suas especialidades são o combate desarmado. O nome real de Juli é Julia, que vivia na mesma aldeia de Noembelu.
  • Santamu: atua no Vietnam, especialista na luta com lança e está sempre acompanhada de um Mico Leão Dourado. Seu nome é derivado d euma palavra vietnamita para Agosto: Tháng Tám.
  • Jianyu e Xiayu: atuam na China, são especialistas (respectivamente) em Bojutsu (luta com bastões) e nunchaku. Seus nomes derivam das palavras chinesas Jiuyue (Setembro) e Shiyue (Outubro). Elas comandam um organização do crime organizado chinês chamada Tríade, que responde diretamente a Bison.
  • Noembelu: nativa do México, ela é especialista no combate com duas machadinhas. Seu nome real é Little Eagle (Pequena Águia) e ela faz parte da tribo de T. Hawk, a Thunderfoot (Pé de Trovão). Ela possui cabelos e pele escuros, como toda índia, e usa uma faixa com uma pena na cabeça.
  • Decapre: atua na Rússia, sua aparência lembra Cammy com uma máscara negra. Como Vega, Decapre usa garras no combate mano-a-mano. Seu nome deriva de Dekabr’ (Dezembro em russo).

dolls

Dolls como NPCs

As Dolls surgiram na época de Street fighter Alpha, quando Bison as enviava em diversas missões ao redor do mundo. também faziam parte de sua guarda pessoal, protegendo o quartel general da Shadaloo quando eles e os generais não estavam presentes. Nessa época, Cammy ainda pode estar sob controle mental da Shadaloo e lutar ao lado das Dolls, tudo depende da decisão do Narrador. As Dolls são o recurso utilizado por Bison quando seus chefes rasos falham em resolver os problemas locais em seus países, e facilmente poderiam ser utilizadas em crônicas contra times de personagens que atrapalhem operações da Shadaloo a nível nacional.

Durante Street Fighter 2, as Dolls estão praticamente fora de atividade. Cammy conseguiu se livrar do controle de Bison e tenta libertar as demais Dolls, sendo que o único jeito de fazê-lo seria através da central de comando na Shadaloo, de onde o próprio Vega a libertou uma vez. Não é uma missão simples. A Shadaloo está em declínio nesta época mas ainda é muito forte.

Durante Street Fighter 4, algumas Dolls encontram-se em animação suspensa em um laboratório montanhoso da Shadaloo em algum lugar do norte do globo, enquanto que Juni e Juli se ocupam de guardar este laboratório. Ao que tudo indica Seth deseja obter o controle sobre estas Dolls para seus próprios experimentos, enviando Juri para capturá-las. Nesta época Cammy consegue sua primeira vitória, libertando Juni e Juli, embora Decapre caia nas mãos de Seth e passe a trabalhar para a S.I.N sob nova lavagem cerebral. Juni passa a viver com Cammy, enquanto Juli fica em um asilo onde T. Hawk costuma ir visitá-la, mesmo ela não o reconhecendo.

Durante Street Fighter 5, Bison toma o controle novamente das Dolls utilizando seu Psycho Power amplificado pelas Black Moons. Decapre passa a se tornar instável e Cammy pretende resgatá-la também, aproveitando desta instabilidade.  As Dolls são a última resistência na base da Shadaloo e darão as suas vidas para proteger seu mestre Bison.

* Fontes: acontecimentos in-game de Street Fighter Alpha, Street Fighter 4, Street Fighter 5, revistas da Udon e The Street Fighter Plot Canon Guide.

Esquadrão de Elite da Shadaloo - Dolls

Ashura

Ashura é nome de uma organização criminosa muito influente no sudeste asiático, mais especificamente na Tailândia e em Hong Kong. Procurados e perseguidos pela Interpol há vários anos, praticamente controlam o narcotráfico nestes dois países além de serem muito influentes no circuito Street Fighter da região, onde investem pesado em lutadores que os ajudam com seu outro negócio: as apostas ilegais.

ashura-sr-zott2

Atuando como um dos tentáculos da Shadaloo, o traficante bom vivant conhecido como sr. Zott vive sob a falsa aparência de empresário de lutadores quando na verdade é um chefão do crime que causa bilhões de prejuízo ao seu país e ceifa inúmeras vidas anualmente. Zott é o que podem chamar de chefão de mão de ferro, no sentido mais literal da expressão, uma vez que não possui a mão esquerda, onde costuma encaixar uma prótese metálica ou em casos em que deseja punir alguém, uma motoserra (use a ficha do Guerreiro, mas com Cibernetico 1 e uma motosserra no lugar do punho que pode ser interpretada como uma espada longa, mas que causa Dano Agravado)!!

A Ashura é uma extensão da personalidade de Zott: corrupção, assassinato, dinheiro e terror. A Ashura é famosa por acabar com a vida de muitas pessoas influentes que tentaram parar o crescimento da organização. Desde provas falsas plantadas na casa das pessoas até manipulação do resultado de lutas, não há escrúpulos ou humanidade em nada do que Zott ordena aos seus capangas. Só há uma coisa que Zott teme: falhar com Bison, pois ele sabe que seria a única vez que isso aconteceria.

ashura-den-hu3

Den-hu é um desses capangas. O braço forte da Ashura, é responsável pelo recrutamento e treinamento de guarda-costas e leões-de-chácara da Ashura, é um exímio praticante de Muay Thai, bem como os guerreiros a seu serviço. Tão inescrupuloso quanto seu chefe, tende a subestimar seus adversários e quando é pressionado ou mesmo derrotado, busca vingança de qualquer maneira. Os capangas de Den-hu são Guerreiros e o próprio Den-hu é um Guerreiro, mas que costuma andar com uma arma de fogo e nunca está só. Costumam usar máscaras em suas missões, para não serem reconhecidos, uma vez que Den-hu possui uma cicatriz muito peculiar na bochecha direita, difícil de ser esquecida. Ele nunca fala dela, dizem que foi a única vez em que falhou com o sr. Zott, e ele não vai querer que isso aconteça novamente.

A Ashura em suas crônicas: em crônicas do tipo investigando a Shadaloo ou ajudando a polícia, a Ashura deve ser um dos primeiros níveis da Shadaloo que eles devem encontrar, uma vez que não possui fortes guerreiros a seu serviço. A partir dela pode ser possível obter provas contra a Shadaloo e ser o estopim para uma crônica realmente grande.

Táticas comuns da Ashura são se aproximar de bons lutadores para agenciá-los. A ideia deles é lucrar com as apostas e mais cedo ou mais tarde pedem para o lutador perder de propósito em troca de dinheiro, o que pode reduzir drasticamente a honra e glória de quem aceita. Em caso negativo, tendem a tentar incriminá-lo ou chantageá-lo com sequestros e até intimidação com assassinatos.

ashura-soon2

Curiosamente a polícia de Bangkok tem se renovado e não está nas mãos da Ashura, ao contrário, buscam incansavelmente detê-la para melhorar a imagem do país. Apesar disso possuem um espião infiltrado chamado Soon, que é responsável por manter Zott ao menos informado das operações policiais. No entanto, é muito fácil pra Ashura incriminar alguém apenas fazendo menção que um dos personagens está ligado à eles, pois os policiais estão ávidos por prender membros desta organização.

Organização criminosa inspirada no anime SF 2: Victory

S.I.N

SIN_Flag

S.I.N. (sigla para Shadaloo Intimidation Network, Rede de Intimidação da Shadaloo, em uma tradução literal) é uma indústria de pesquisa e desenvolvimento de armas sob o comando de Seth, um homem alto e musculoso, careca e estranhamente pálido que comanda a empresa com mão-de-ferro. Com sua matriz na Tailândia e mais algumas filiais em outros pontos estratégicos ao redor do mundo, como na Índia, a SIN alimenta conflitos fornecendo armamentos a quaisquer um que possa pagar por eles, tendo sido acusada diversas vezes de estar suprindo grupos terroristas radicais. Pesquisas mais recentes de agências de inteligência como CIA e Interpol conectam a SIN à Shadaloo, fazendo alusões de que a mesma seria a divisão de armas da famosa organização criminosa.

Como uma divisão da organização criminosa Shadaloo, SIN é responsável por armas de muitos tipos e de diversas áreas de interesse. Enquanto eles pesquisam e desenvolvem armas de mais alta tecnologia, SIN também desenvolve projetos ligados à ocultismo, paranormalidade e filosofias metafísicas, tendo ajudado a aperfeiçoar o Psycho Drive de Bison no passado e tendo usado suas pesquisas com o Chi e Feng shui para criar diversos projetos (veja abaixo), baseados nos poderes do Satsui no Hadou. Em seus testes para verificar o sucesso e até mesmo a viabilidade do que estavam criando (poder além do corpo físico), eles foram responsáveis pelo desaparecimento de diversas pessoas ao redor do mundo para realizar experimentos (em uma escala muito maior do que as garotas sequestradas pela Shadaloo para o projeto Dolls). Qualquer um com quantidade significativa das habilidades acima mencionadas, especialmente artistas marciais, eram “procurados”.

charlie-sin

Crônicas em Street Fighter 2 e anteriores: no auge da Shadaloo a SIN não existia enquanto empresa, fato que só mais tarde seria consumado por Seth que nem mesmo existia nesta época. Em crônicas que aconteçam durante SF2 pode-se determinar que a SIN é “apenas” uma divisão científica da Shadaloo focada em construir armas para Bison dominar o mundo, tendo sido inclusive muito influente na construção do Psycho Drive de Bison, largamente investigado e utilizado durante Street Fighter Alpha. Coube à SIN boa parte da pesquisa genética que levaram à criação das Dolls e dos corpos alternativos de Bison (experimentos anteriores à Seth) como Cammy e o corpo de Bison em SF2 (mais fraco que o original, mas ainda assim muito eficiente).

É nesta época também que Charlie salva Abel de um dos laboratórios da SIN e o deixa desacordado em Paris (seria lá o laboratório?), onde seria mais tarde encontrado por um grupo de mercenários que o adotam e treinam, uma vez que o mesmo não possuía memórias de quem era antes da explosão do laboratório.

Com o fim da Shadaloo após a morte de Bison nas mãos de Akuma, todos acreditaram que qualquer tipo de atividade da organização criminosa cessaria automaticamente, mas não foi o que aconteceu. Os cientistas restantes e contrabandistas da Shadaloo foram transferidos para gerência da SIN para trabalhar nos bastidores de uma nova arma. Sem o conhecimento de Seth, os cientistas também trabalharam em um novo corpo para Bison (que ele viria a usar em SF4).

Street_fighter_4_seth_pkf_21309

Crônicas em Street Fighter 4: durante a época de Street fighter 4, o líder e CEO (diretor-executivo) da S.I.N era Seth, conhecido por ele próprio ter sido construído como um dos inúmeros projetos da empresa. Muitas pessoas acreditaram inicialmente que a SIN era na verdade os resquícios da derrotada Shadaloo, e não estavam tão longe da verdade. Guile, Chun Li e o Delta Red foram enviados para investigar suas atividades, incluindo a construção de uma barragem que “roubou” a água da vila de Dhalsim, na Índia, para construção de um novo complexo da empresa, que inclusive sediaria o próximo Torneio Mundial dos Street Fighters.

Secretamente a CIA já estava perseguindo as operações da SIN há anos, através de Crimson Viper, sua agente-dupla que trabalhava sob ordens de Seth, chegando ao cargo de chefe do projeto de desenvolvimento do projeto Battle Suit (Traje de Combate). Este fato, extremamente secreto, chegou a levar a mais de um Street Fighter a enfrentar a espiã acreditando que ela realmente era um dos “bandidos”. A ideia inicial para o Torneio Mundial organizado pela SIN era justamente servir de teste final das capacidades do Battle Suit, cujo protótipo, já extremamente avançado, tinha se mostrado muito útil durante várias missões de Viper.

Quando Seth descobre que Bison retornou à vida, passa a arquitetar um plano para destruí-lo e manter seu controle da organização, enquanto que Bison quer os dados dos últimos anos de pesquisa da SIN para si próprio, com a ideia de reconstruir a Shadaloo com as mais recentes tecnologias. O Torneio Mundial, que inicialmente serviria apenas para testar um projeto da SIN, serve de palco para resolução de muitos conflitos, tanto externos quanto internos dentro desta sombria organização.

juri-chun-li

Crônicas em Street Fighter 5: os acontecimentos ao fim da saga Street Fighter 4 nos contam que Juri teria derrotado Seth e se tornado a nova líder da SIN, embora a base tenha sido auto-destruída por Vega, a mando de Bison, o que pode não ter deixado muito para ela comandar…

O próprio Bison derrota Seth e lhe toma o poder sobre os demais seres aperfeiçoados que ainda restavam, enviando-os para acabar com vários dos Guerreiros Mundiais presentes no torneio que poderiam atrapalhar seus planos, como Guile e Zangief (isso é mostrado em seus finais). Ao que tudo indica, Bison teria planejado tudo isso antes de morrer durante o torneio de SF2, como um plano B caso não eliminasse seus inimigos no torneio, que foi o que de fato aconteceu.

Conforme informações da CIA, C. Viper teria eliminado Seth (ou seria apenas mais uma cópia?) após tê-lo encontrado caído na base após a luta contra Bison e antes da destruição da base por completo, embora não tenha conseguido resgatar os dados dos computadores, tarefa esta realizada por Chun Li e, infelizmente, por Vega também, pouco antes de Cammy decidir por formatar o banco de dados da SIN para que as Dolls não sejam mais alvo de experimentos malignos e possam viver em paz.

Resumindo, até onde se sabe a SIN não existe mais durante a saga de Street Fighter 5, e a Shadaloo tenta a sua última ofensiva contra a humanidade, em escala muito menor do que outrora.

Membros Conhecidos

* Seth: uma criatura criada (ou alterada) geneticamente para ser um ser superior aos humanos em todos os aspectos. Sua elevada inteligência ajudou a transformar a SIN, de uma divisão da Shadaloo, para uma potência armamentícia global.
* Crimson Viper: uma agente-dupla que durante muito tempo se acreditou trabalhar para Seth, quando na verdade estava investigando-o a serviço da CIA que queria pôr suas mãos nas tecnologias da empresa.
* Juri: cobaia de Seth no experimento Feng Shui Engine e sua principal arma para realização de missões de alto risco como sequestro ou eliminação de grandes lutadores.
* Decapre: várias das Dolls foram capturadas pela SIN para sofrerem nova lavagem cerebral nas mãos de Seth, sendo que Decapre se tornou a principal delas sob essa nova organização. Sabe-se que Juni e Juli não estão com Seth, tendo a
primeira sido salva por Cammy e a segunda estando em estado semi-catatônico por motivo desconhecido (uma lavagem cerebral que deu errado?).
* Abel: embora não lembre-se com exatidão, a semelhança entre Abel e Seth e o local onde foi encontrado, indicam que ele era ou passava por um experimento da SIN também, assim como Seth.
* Ed: um garoto misterioso encontrado por Balrog antes do complexo da SIN explodir na Índia. Pelo fato do garoto ter apresentado poderes paranormais semelhantes aos de Bison (teria ele Psycho Power?), Balrog salvou-o da destruição. Esse garoto voltou a aparecer em SF5, então devemos ouvir falar mais dele em breve.

ed-sf4

Projetos Conhecidos

* Psycho Drive: equipamento usado para ampliar os poderes psíquicos de Bison, tendo servido para controle mental à longas distâncias, teleporte e até mesmo gerador de energia psíquica para Bison e ouitr
* Projeto BLECE: equipamento usado para absorver Chi de lutadores e gerar energia à partir disso, com possibilidades semelhantes à energia nuclear
* Tanden Engine: dispositivo implantado no abdômem de Seth, usado para absorver e reproduzir os poderes dos artistas marciais, uma versão reduzida do projeto BLECE
* Feng Shui Engine: dispositivo implantado no olho de Juri, usado para liberar todo o Chi de um lutador, além de percepção expandida e sensível ao Chi
* Battle Suit: traje de combate usado por Crinsom Viper com luvas de choque, botas flamejantes e que permitem levitação, óculos especiais e mais.

seth-stage

A SIN em suas Crônicas

Usar a organização SIN em crônicas de Street Fighter RPG não é tão difícil, uma vez que é a principal antagonista da série Street Fighter 4, uma vez que a Shadaloo aparentemente havia sido derrotada.

Abaixo temos algumas ideias de como criar aventuras tendo a SIN como antagonista em suas crônicas, considerando principalmente o período de seu age, com Seth como líder:

  1. um amigo dos heróis, lutador de artes marciais, some misteriosamente após ter sido convidado a participar de um torneio patrocinado pela organização SIN.
  2. os heróis são contatados pela CIA para ajudarem a encontrar uma de suas agentes que não dá notícias há meses: C. Viper! Teria ela trocado de lado? Ou teria sido descoberta em seu papel duplo?
  3. os heróis presenciam o assassinato de alguém importante nas mãos de Juri, assassina da SIN, e agora se tornaram alvo dela também, que não deseja testemunhas. A mesma ideia pode ser usada com a personagem Decapre também.
  4. a cidade de um dos heróis é destruída da noite pro dia (ou afetada como a vila de Dhalsim foi) para dar lugar a uma linha de produção de armas da SIN e Seth estará supervisionando a construção pessoalmente.
  5. os heróis são contratados pelo Delta Red como guarda costas de uma testemunha: Juni, que foi salva por Cammy. Porém a SIN quer a Doll de volta…
  6. os heróis obtém por engano ou acidente as plantas de uma nova arma experimental da SIN e agora eles querem os papéis de volta.
  7. os heróis são convidados para o torneio mundial promovido pela SIN, na Índia. Obviamente isso exige que eles estejam nessa divisão.

* Fontes: animes SF4: The Ties that Bind, SSF4: Juri, mangá SF4 da udon, Street Fighter Wikia e história in-game da série SF4.

Shadaloo

Shadaloo. A própria palavra traz arrepios aos oprimidos em todo o mundo. Jamais existiu tão eficiente organização de crime e terror.

O mundo está lentamente sendo envolvido nos tentáculos criminosos desta entidade maligna, totalmente controlada por M. Bison, ex-ditador da Tailândia. Logo, todas as organizações criminosas vão jurar lealdade a Shadaloo. Uma vez que isso ocorra, Bison vai começar a tomar os governos do mundo, eventualmente atingindo seu objetivo de se tornar o grande ditador mundial.

Ninguém sabe muito sobre M. Bison, Quando foi finalmente expulso da Tailândia, ele escapou da justiça e desapareceu. Anos mais tarde apareceu novamente, desta vez liderando uma organização criminosa e buscando consolidar o crime ao redor do globo. Muitos sentiram o ferrão amargo do toque de Bison: Chun Li, que teve o pai assassinado por operativos da Shadaloo; Guile, cujo melhor amigo foi morto por Bison; e T. Hawk, cuja reserva indígena foi desfeita por um esquema planejado por Bison.

Bison é reconhecido como o maior lutador do mundo — exceto por Ryu, que não perdeu seu título de Grande Mestre. Bison queima com ódio de Ryu, pois ele representa tudo que Bison combate: honra, sabedoria, auto-suficiência e disciplina pessoal. Bison está tentando atrair Ryu para que ele lute novamente, esperando derrotá-lo e humilhá-lo diante do mundo. Porém, ele odeia todos os Guerreiros Mundiais honrados e planeja o fim deles também.

Shadaloo

Os Vários Tentáculos da Shadaloo

Embora a principal base de operações da Shadaloo fique em Mriganka, várias bases menores operam em todo o mundo. Criminosos de todos os tipos e nações trabalham para a Shadaloo — alguns sabendo disso, alguns não, como no caso da Ashura. De fato, a maioria não tem idéia da extensão com que a Shadaloo se estabeleceu no mundo do crime. Se soubessem, talvez lutassem contra uma organização tão monstruosa, temendo tanto poder nas mãos de um só homem.

Mas eles não sabem, pois a ignorância impera entre os criminosos e a paranóia os impede de fazer perguntas.

Portanto, o tráfico de drogas continua — e também os assaltos a bancos, fraudes, chantagens e assassinatos. Tudo para alimentar o poder da Shadaloo.

Chefes da Shadaloo

Servos, Lacaios e Capangas
Shadaloo tem muitos lacaios, desde figuras do submundo do crime — pequenas gangues, guardas corruptos, simples ladrões — a mercenários, pistoleiros e assassinos. Qualquer um ganhando a vida através dos aspectos mais baixos da existência humana pode ser empregado pela Shadaloo.

Mesmo alguns dos Guerreiros Mundiais têm trabalhado ocasionalmente para a Shadaloo. Balrog já se empregou como lutador para Bison, espancando pessoas que atrapalhavam os negócios dele. Vega já foi contratado como assassino, matando alguns políticos do Terceiro Mundo que ameaçavam os planos de Bison. Sagat jurou ajudar Bison em troca de ajuda para derrotar Ryu. FANG se juntou à Bison depois de seu clã inteiro de assassinos ter sido eliminado pelo ditador. Estes lutadores podem ter ganhado imensa glória, mas nenhuma honra vem para aqueles que trabalham com a Shadaloo.

Para saber mais sobre a Shadaloo, os seguintes posts são recomendados:

Decapre

usfiv_decapre_art_02



País: Russia
Altura: 1.64m
Peso: 46 kg
Nascimento: 18/12/1974 (21 anos em SF4)

Decapre (uma corruptela de “Dezembro” em russo) é membro da Tropa de Guarda-Costas de Bison (mais conhecida como Dolls), talvez a mais aterrorizante de todas elas, que geralmente assemelham-se a jovens e belas garotas, e também a mais mortal, devido ao uso de armas. Após uma lavagem cerebral mal feita, visando que não tivesse emoções, Decapre torna-se extremamente instável em ambientes de extrema tensão, como combates acirrados ou perto de sua inimiga mortal, Cammy.

Decapre e Cammy são clones idênticos, exceto pelo fato de que Decapre tem parte do seu rosto desfigurado por uma queimadura, motivo pelo qual usa sua máscara negra (que pode ser trocada dependendo da missão). Talvez pelo fato de Cammy ter sido a favorita de Bison no passado, ou talvez apenas por inveja da beleza de Cammy, Decapre não perde uma oportunidade de tentar lhe fazer mal, mesmo que isso tire o rumo da sua missão.

Decapre não possui memórias, apenas flashes de estar mergulhada em tubos cheios de líquido verde. Tem memórias com Cammy, quando ambas ainda eram crianças e de como esta lhe traiu sua confiança. Inicialmente uma garota sequestrada para experimentos, os implantes de DNA de Cammy alteraram sua genética de maneira que seu cérebro nunca se desenvolveu completamente, estando em estágio infantil, e depende exclusivamente de tecnologia da Shadaloo para manter-se viva.

Crônica em Street Fighter 4: Seth está atrás de todas as Dolls para usá-las em seus experimentos malignos, limpando novamente seus cérebros e reprogramando-os para serem leais à S.I.N. Decapre não é exceção e apesar de odiar Cammy, ao que parece a ex-Doll britânica quer proteger suas “irmãs” deste destino.

Crônica em Street Fighter 5: Decapre agora novamente sob o comando de Bison continua em sua missão de capturar Cammy, independente de suas ordens principais. No entanto, a russa parece cada vez mais instável psicologicamente e no que tange seu Psycho Power também, o que pode gerar um desenrolar inesperado dos fatos, principalmente quando Juri decide ajudar Cammy a salvá-la do controle de Bison.

Aparência: Decapre é uma jovem de estatura mediana e magra, mas com músculos bem definidos, assim como Cammy. Possui um longo cabelo loiro, mais claro que o de Cammy, preso em duas tranças assim como sua rival. Na verdade para quem não há conhece pode facilmente confundi-la com Cammy, vestindo uma máscara, obviamente. Sem a máscara mostra um rosto onde a metade esquerda parece ter sido queimada a fogo e seu olhar alterna entre o vago e inocente ao assassino. Está sempre vestida com seu uniforme de combate das Dolls, incluindo uma máscara negra que pode ou não mostrar sua boca e uma adaga retrátil em um de seus punhos.

Interpretando Decapre: você é um soldado sem memória. Vive para obedecer as ordens de seu chefe Bison e não tem qualquer remorso pelo que faz, incluindo assassinatos de pessoas que sequer ouviu falar ou se importa. Às vezes durante o calor dos combates, flashbacks de suas escassas memórias lhe atormentam e você perde o controle. Isso também costuma lhe acontecer sempre que está na presença de Cammy, e ao que parece o único jeito de fazer parar é matando Cammy! Recentemente tem estado mais instável do que de costume e tendo rompantes de poder.

decapre

Adaga psíquica de Decapre

Decapre usa uma adaga retrátil em cada punho (semelhante a um katar) carregado de Psycho Power . O que a permite escolher e alternar a seu bel prazer entre socos armados e desarmados e ainda jogar sua carta de Psychokinetic Weapon junto de seus ataques armados (veja a manobra para mais detalhes), desde que tenha Chi para isso.

Modificadores: +0 Velocidade, +1Dano, +0 Movimento

Movimento Especial: quando não estiver com seu Psychokinetic Weapon ativado, Decapre pode usar seus Apresamentos com a adaga pois ela não lhe restringe os movimentos. Os modificadores são adicionados à velocidade e dano das suas Manobras Básicas com Armas (que substituem seus três Socos).

Para saber mais sobre o uso de adagas em combate, recomendamos a leitura do post Lutando com Facas.

Decapre como NPC

Decapre é um soldado de Bison, abaixo de seus generais mas acima de seus capangas. É enviada sozinha (mais comumente) ou com outras Dolls ou capangas para cumprir missões de assassinato e eliminar oponentes de Bison. Não é de interagir com ninguém, apenas sua missão importa, embora suas fraquezas psicológicas possam ser exploradas pelos jogadores para desestabilizá-la. Caso os personagens se tornem ameaça, Bison poderia enviar Decapre para assassiná-los, ou ainda caso os personagens se tornem amigos de Cammy, podem se tornar alvo da mesma.

Apesar de existir desde a fase Alpha de Street Fighter, apenas em Street Fighter 4 que assume um papel de importância na organização, quando Seth está interessado em sequestrar as Dolls para uso próprio e retorna novamente em SF5, novamente atrás de Cammy.

* Fontes: a história de Decapre foi construída com base no The Street Fighter Plot Canon Guide e acontecimentos in-game em Ultra Street Fighter 4 e Street Fighter 5 (onde ela já aparece como NPC e em breve deve virar uma personagem jogável). A planilha de Decapre bem como suas manobras foram criadas por Matt Mead, da SFRPG.com.

sfv_story_mode_decapre_crop

 

Guerreiros Mundiais