Arquivo da tag: personagem

Criando a história de um time

Assim como o post Criando a História de um Personagem, este visa ajudar os jogadores a criarem a história do seu time de Street Fighters. O mesmo esquema básico de perguntas e respostas é utilizado aqui. É importante que todos os jogadores respondam em conjunto estas perguntas, uma vez que se trata da história do time em si. É recomendado também, que os jogadores dêem uma lida no post Times de Street Fighters que trata basicamente do que é um time de Street Fighters, suas motivações, etc.

•Onde é a base do time?
Em qual cidade ou país fica a base do time?

•O time tem treinadores?
Que tipo de treinadores o time usa? Que tipo de instalações eles possuem?

•Quais são os objetivos do time?
Que objetivos unem os personagens e o que os motiva? Dinheiro, fama, glória, vingança contra a Shadaloo, ou um inimigo comum?

•Quem são os inimigos do time?
Quem são os principais oponentes do time, e quais suas forças e fraquezas? A Shadaloo? Outros lutadores? Um governo? O crime organizado?

Criando a História de um Personagem

Para ajudá-lo na árdua tarefa de criar a história de seu personagem, foram criadas pelos autores do livro, uma série de perguntas que se respondidas com atenção vão, aos poucos, formando um passado, um presente e um possível futuro para o personagem. Após cada pergunta listamos que tipo de coisa o jogador deve perguntar a si mesmo, assim como alguns conselhos para o Narrador sobre como fazer o prelúdio em relação à pergunta.

Perguntas e Respostas


 •Qual a sua idade?

Quantos anos você tem?
É muito mais fácil aplicar datas a eventos no prelúdio depois que este terminou, mas também é válido estabelecer algumas datas importantes durante o prelúdio. O prelúdio deve começar em uma data importante para o personagem, preferivelmente em um evento na adolescência. O principal objetivo do prelúdio é colocar a vida do personagem em perspectiva. Então, determinar datas e estabelecer a idade do personagem é bem eficiente.


•Quando você decidiu praticar artes marciais?

Você sempre teve um interesse nas artes marciais? Começou seu treinamento para autodefesa ou autodisciplina? Que impacto o treinamento teve em sua personalidade? O que fez você escolher seu estilo em particular?
Você deve decidir o que motivou o seu personagem a treinar artes marciais. Talvez ele tenha começado a treinar por causa de um valentão, ou por alguma outra razão que pode inspirar uma história interessante mais tarde na crônica.
Talvez o personagem, tendo sempre imaginado que ele e somente ele tenha tomado a decisão de treinar, descubra em uma história que na verdade seu Sensei o escolheu.


•Quem foi seu Sensei?

Você procurou por muito tempo pelo Sensei? Ele escolheu você para receber um treinamento particular? Seu Sensei era um monge gentil e sábio, ou um velho e rabugento ex-lutador? Você ainda se relaciona com seu Sensei?
O Sensei é a pessoa que iniciou o personagem no caminho das artes marciais, ajudou a moldá-lo no que é agora. O papel do Sensei deve ter enorme impacto no crescimento do personagem, para melhor ou pior.
Você terá que criar o Sensei se ele ainda é parte da vida do personagem, ou se ele escolheu o Antecedente Sensei. O Sensei pode ter feito mais do que ensinar artes marciais ao personagem.
Cuidadosamente, desenvolva o relacionamento entre professor e estudante, pois ele terá impacto na vida futura do personagem.


•Por que você decidiu se tornar um Street Fighter?

Foi por fama e glória, ou outra razão? Foi fácil para você entrar em sua primeira competição? Você venceu?
A entrada de seu personagem no mundo dos Street Fighters pode muito bem ter influenciado como ele se sente sobre seu estilo de luta, o esporte e Shadaloo. A primeira luta deve ser uma experiência de aprendizado e uma maneira de provar seu valor diante dos colegas. A primeira luta pode definir como os outros o vêem, tanto como lutador quanto como pessoa.
A primeira luta deve ser a primeira visão realista do mundo sombrio e sinistro dos Street Fighters. Ele deve sentir que a vida dele mudou para sempre, para melhor e para pior. Deve perceber que há um preço a pagar por este novo e maravilhoso estilo de vida.


•Quando você conheceu seu time?

Você se dá bem com os outros personagens? Há quanto tempo vocês formam um time? Vocês se encontraram através de um Empresário ou de alguma outra forma? Vocês têm os mesmos objetivos?
È importante mas, no fim, não é necessário que os personagens sejam compatíveis. Muitas boas histórias podem ser baseadas na rivalidade entre os lutadores.
Contudo, poucos jogadores acham divertido desperdiçar uma sessão de jogo porque os personagens não conseguem se entender. É mais divertido para os jogadores, e para você, se os personagens são de alguma forma compatíveis. Tente dar a eles uma razão para cooperar. Talvez os personagens queiram se vingar da Shadaloo; talvez apenas queiram fama e dinheiro. Uma vez que você tenha dado a eles uma razão para ficarem juntos, fica mais fácil estabelecer ligações significativas. Estes elos devem significar algo para os personagens, e a melhor hora para estabelecer tal profundidade é no prelúdio.


•Onde você mora agora?

Você tem uma casa ou anda de cidade em cidade? Você mora com  seu time? Mora com amigos ou familiares?
A residência do personagem não apenas é um cenário interessante, mas também pode fornecer idéias para tramas. É importante para o personagem estabelecer uma residência.


•Você mantém uma vida normal?

Você luta em tempo integral? Seus amigos sabem da sua vocação (ou hobby)?
A vida normal do personagem pode ser muito importante para a crônica. Ele pode achar difícil manter seus combates em segredo de amigos e da polícia local. Problemas com o personagem tentando manter dois estilos de vida podem criar histórias interessantes.


•A Shadaloo já causou problemas para você?

A Shadoloo já meteu você em encrencas? Os agentes do "sindicato " por acaso já "pediram" a você para perder uma luta ou até mesmo para lutar por eles? Você alguma vez enfureceu um agente da Shadaloo?
Shadaloo controla a maior parte do submundo. Se os personagens se opuserem a ela, suas vidas correrão muito perigo. A opinião da Shadaloo sobre o personagem pode mudar o ritmo da crônica.


•Por que você luta?

O que fez você continuar a entrar no ringue? Você luta por fama?
Glória? Dinheiro? Honra? Quer deixar sua vida de Street Fighter e retornar a sua vida normal?
Entrar no ringue e tentar evitar que arrebentem sua cara dá muito trabalho. Um personagem completo tem objetivos que motivam seus combates. Estes objetivos são importantes para o Narrador, pois dão a ele uma idéia de que tipo de histórias contar.

Depois que todos os personagens tenham criado suas histórias, é importante que juntos eles criem a história de seu time. Para saber como, leia o post Criando a História de um Time.

O que é a planilha de personagem?

A planilha de personagem (ou ficha de personagem) é algo universal entre os sistemas de RPG. Nela são anotadas as características que seu personagem possui, sejam elas boas ou ruins. A ficha, descreve em regras, todos os aspectos inerentes a todos os personagens de um mesmo jogo, como sua força, suas habilidades, sua inteligência, etc.

Cada sistema possui um conjunto de "características" que devem ser escolhidas para seu personagem e assim como na vida real, ninguém é perfeito. Todo e qualquer sistema de regras, permitirá que os jogadores criem personagens com boas e más habilidades, raramente conseguindo um personagem "mediano" ou "fraco".

Ao construir sua ficha de personagem, você tem duas opções: ou pensa no seu personagem antecipadamente e escolhe suas características de acordo com o que pensou, ou escolhe suas características e com base nelas vai "moldando" seu personagem. Lembre-se que você como jogador deve interpretar aquilo que seu personagem é, e não aquilo que você gostaria que ele fosse.

A Ficha de Personagem de Street Fighter RPG pode ser encontrada para download na seção de Utilidades.

Times de Street Fighters

Times de Street Fighters

Os lutadores mais exemplares, os próprios Guerreiros Mundiais, freqüentemente agem sozinhos. A maioria dos Street Fighters iniciantes, contudo, prefere trabalhar em times, grupos cooperativos de guerreiros. Times trazem várias vantagens: no caso de lutas com vários rounds, um membro de um time pode substituir outro se ele estiver muito ferido para continuar nos outros rounds; em combates com vários lutadores, times são necessários para assegurar que um lutador não seja atacado por vários ao mesmo tempo; e, finalmente, um time fornece a um lutador aliados que irão ajudá-lo a alcançar seus objetivos fora da arena. Invadir a mansão do chefão de drogas para fazer justiça pode ser letal quando se tenta fazer isso sozinho.

Um grupo de personagens de Street Fighter é chamado de time. Times, assim como grupos de jogadores, variam de tamanho, de dois a seis ou mais, com três ou quatro sendo o ideal. O Narrador decide quantos membros compõem um time de Street Fighter. Enquanto a maioria dos membros do time será de personagens controlados por jogadores, alguns poucos podem ser personagens controlados pelo Narrador.

Um time precisa de um nome, algo que o defina perante a comunidade de lutadores. Não apenas os lutadores individuais adquirem renome, mas os times também. O nome do time é dito com louvor ou desprezo nos bares à noite, ou ao redor da arena.

Tabela de Times

A seguir listamos em uma tabela diversos times para serem usados em crônicas de Street Fighter RPG. Tem para todos os gostos: times da Shadaloo, times bonzinhos, times muito cruéis, times só de soldados e por aí vai. O Narrador deve se sentir livre para alterar a composição de qualquer time que desejar, incluindo ou retirando elementos conforme achar necessidade. Os times estão separados pela experiência de seus membros.

Times Poderosos Times Medianos
Shadow Fist
Os Impronunciáveis
Black Dragon
Final Fight
Mad Gear
Skull Cross
Generais de Bison
Dragon Rising
Força Excessiva
Rolling Thunder
Extreme
Punhos de Relâmpago
Discípulos do Poder
Delta Red
Times Iniciantes
Os Corvos
Os Presságios
War House

Massacre do Anel Triplo
Chimu Nihon
Meteora
Mercadores Negros

Objetivos do Time

Normalmente o time tem um objetivo principal, o qual pode diferir dos objetivos individuais de determinados membros. Um objetivo pode ser “chegar ao Grande Torneio”, um objetivo que requer anos de treinamento por parte de todos; outro pode ser “destruir a rede de crime da Shadaloo“, uma tarefa aparentemente impossível, mas que pode se tomar possível se o time trabalhar junto e atacar os seus objetivos passo a passo, cidade a cidade.

Times de Torneios

Esta é provavelmente a razão mais comum pela qual Street Fighters iniciantes se unem em times. Muitos torneios de nível mais baixo aceitam apenas times, porque lutadores iniciantes não têm Honra ou Glória suficientes para chamar atenção para o torneio com suas presenças individuais. Times estabelecidos de Street Fighters chamam mais atenção do que lutadores individuais. Isto é especialmente verdade se o time tem um empresário capaz e uma imagem comum que chama atenção sobre eles. Qual é a principal razão para a fundação de seu time? Sugestões são oferecidas abaixo.

Por exemplo: Malcom Stonehands é um Street Fighter novato dos EUA que pratica boxe. Quando Malcom vai a um torneio, ele não chama muita atenção ou leva muitos fãs com ele. Contudo, se Malcom é um membro de um time de lutadores americanos no qual todos afirmam lutar pelo orgulho nacional, então o time (e portanto o torneio) pode ganhar mais atenção.

A maioria dos times de torneio é composta por lutadores que compartilham o mesmo estilo ou nacionalidade, mas alguns times de muito sucesso surgiram recentemente, combinando uma variedade de estilos de luta e origens nacionais. Muitos torneios para novatos têm turnos de times contra times, e times com uma maior variedade de estilos de luta tendem a se sair melhor nesses turnos. A variedade de estilos dá a um time maior flexibilidade, permitindo derrotar times em que todos os lutadores se baseiem em velocidade ou força ou um poder especial em particular.

Objetivo Comum

Grupos de Street Fighters também podem estar unidos por um objetivo comum. Por exemplo: tanto Guile como T. Hawk buscam vingança contra a Shadaloo e M. Bison. Este objetivo poderia manter os dois Guerreiros Mundiais trabalhando juntos até que completem sua missão combinada de vingança.

Outros grupos de Street Fighters podem buscar em conjunto o mesmo conhecimento de artes marciais. O mundo de Street Fighter é cheio de lendas sobre artes marciais e rumores de poderes especiais, poderes que apenas podem ser aprendidos com certos professores ou certos livros há muito perdidos, ou antigos pictogramas gravados nas paredes de uma caverna secreta nas selvas.

Por exemplo: todos os personagens podem ter ouvido falar que um lama tibetano no topo de um remoto pico do Himalaia ainda pode ensinar o lendário Chute do Escorpião, mas apenas para aqueles que conseguirem encontrar o professor e passar por certos testes. Cada personagem pode ter uma pista diferente sobre o paradeiro do professor. Portanto, apenas combinando o conhecimento de todos os personagens podem ter esperança de encontrar o recluso mestre e aprender a mortal técnica do Chute do Escorpião. A busca por conhecimento marcial pode unir personagens extremamente diversos.

Mesmo Estilo

Se todos os jogadores escolherem personagens que aprenderam o mesmo estilo de artes marciais (mesmo que cada um tenha poderes especiais e técnicas diferentes), é possível que todos tenham sido ensinados pelo mesmo Sensei ou venham do mesmo dojo (salão de treinamento), templo, academia ou base militar.

Praticar o mesmo estilo dá aos personagens um elo natural, não importa quais sejam suas motivações individuais. Seu treinamento anterior terá forjado fortes elos de amizade e  respeito mútuo. Os personagens podem até se unir para formar um time de torneio ou ter um objetivo comum — por exemplo, encontrar seu Sensei que misteriosamente desapareceu.

Exemplos de times podem ser encontrados na seção Personagens, no final da página, de acordo com a força do time.

Times de Street Fighters

Mais Referências

Os posts abaixo são de leitura extremamente recomendada para aprofundamentos da mecânica dos times em crônicas de Street Fighter RPG:

NPC: Personagem do Narrador

Para que um jogo não fique limitado ao número de jogadores, o Narrador pode usar recursos para criar NPCs. NPC ou Non Player Character (Personagem Não-Jogador) são os personagens criados pelo Narrador. Só que eles tanto podem ajudar os jogadores quanto atrapalhar a aventura. Mas note que o Narrador não é contra o grupo, você como jogador não tem que derrotar o narrador. É missão dele criar algumas adversidades para tornar as coisas mais interessantes. Mas isso depende muito do narrador, porque é claro, se ele estiver sem paciência para jogar, ele acaba com a partida rapidinho.

Para finalizar, tenha em mente que cada sessão de RPG é um experiência única. É impossível para o narrador ter controle total da história porque nunca se sabe o que os jogadores irão decidir antes das situações criadas no decorrer do caminho.

Por fim, é bom lembrar que RPG, como tudo na vida, deve ser feito com responsabilidade e bom senso. Responsabilidade e bom senso cabem em qualquer lugar, seja numa sala de aula, seja num campo de futebol ou seja em uma partida de RPG.

Criar NPCs interessantes é uma tarefa árdua. Pense no trabalhão que os jogadores tem para criarem seus próprios personagens. Agora imagine que o Narrador deve passar por isso diversas vezes para preparar cada sessão de jogo. Obviamente, bem todo NPC precisa ser único e memorável. E mesmo que o seja, não são os números na planilha que dizem isso. É importante que o Narrador saiba discernir a hora certa de criar NPCs detalhados e superficiais. Os posts Criando personagens rapidamente e Criando NPCs Instantâneos ajudam nessa tarefa.